Campus013

Calculadora científica como recurso didático: oficina no NuED

Visando a formação de professores e a educação continuada, o Centro Darcy Ribeiro e o Núcleo de Educação a Distância da Prefeitura de Santos prepararam uma oficina bem bacana – e totalmente GRATUITA!

Intitulada “Exploração da calculadora científica como recursos didático na prática docente”, a atividade propõe uma discussão com os professores sobre a inclusão e integração da calculadora científica como recurso didático na prática docente.

O assunto divide opinião entre estudiosos da área. Muitos defendem a utilização, outros defendem a parcimônia do uso dessa calculadora em específico. Para isso, a oficina vai auxiliar os professores de ensino a usar a tecnologia ao seu favor e ampliar a prática para tornar o processo de ensino-aprendizagem ainda melhor.

Sobre a abordagem em calculadoras científicas, sugiro a leitura de um artigo publicado e apresentado na edição 2014 do EPBEM (Encontro Paraibano de Educação Matemática), que ocorreu na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB):

http://www.editorarealize.com.br/revistas/epbem/trabalhos/Modalidade_4datahora_15_10_2014_20_52_50_idinscrito_787_393c19ed9e49accc9dd2081960c5513f.pdf 

FIQUEM LIGADOS: as inscrições abrem hoje (segunda, dia 15 de outubro, dia dos professores :D) e seguem até sexta-feira (19 de outubro) pelo link: https://goo.gl/forms/7PCElTLabTeCxGQ12

Ministrada pelo professor Jalman Alves de Lima, a oficina será realizada no dia 25 de outubro, em dois períodos: matutino (8h às 12h) e vespertino (13h às 17h), no Centro Darcy Ribeiro – Pesquisa, Formação e Tecnologia Educacional (situado à Rua São Paulo, 40 A – Vila Belmiro, em Santos). No total, serão oferecidas 30 vagas.

Outras informações pelos telefones (13) 3222-1050 | (13) 3228-3729 ou pelos e-mails: centrodarcysantos@gmail.com ou nuedsantos1@gmail.com

Natasha Guerrize

Jornalista e mestranda em Educação. Atua na assessoria de imprensa da Universidade Metropolitana de Santos (Unimes) há três anos e edita o conteúdo do site Campus 013. Carioca morando há 15 anos em Santos, troca o 's' pelo 'x' no dialeto carioquês, com defesa ativa da tese 'é biscoito, e não bolacha'. Apaixonada por esportes e ambientes com boa música.

Fique conectado!

Assine a newsletter do Campus 013 e fique por dentro das novidades!

X